Profissionais revelam detalhes sobre seus espaços na CASACOR Minas 2018

Profissionais revelam detalhes sobre seus espaços na CASACOR Minas 2018

Profissionais contam sobre suas expectativas e revelam o que estão preparando para a mostra deste ano.

Estamos há alguns meses da 24ª edição da CASACOR Minas, mas os preparativos da mostra seguem a todo vapor! Dos veteranos aos estreantes, grandes nomes da arquitetura, design de interiores e paisagismo já confirmaram sua participação no evento que acontece entre os dias 7 de agosto e 16 de setembro.

Patricia Hermanny é nome conhecido da CASACOR Minas. A arquiteta foi uma das integrantes do elenco da primeira edição da mostra e, depois de sua participação em 2016, retorna ao evento com grandes expectativas: “Transformaremos o ambiente em algo que chamo de estar-biblioteca. É uma biblioteca de casa, funcional e com um home-office com estantes e muitos livros.

Em ritmo de CASACOR Minas 2018 1

A arquiteta Patricia Hermany prepara um ambiente que funcionará como um “estar-biblioteca”.

Ela conta que o espaço possui dois ambientes conectados por um belíssimo arco: “Descobrimos uma pintura original belíssima que estava escondida por pinturas mais recentes. É uma arte muito ligada à época em que o casarão foi construído e vamos incluir esse elemento no projeto.

Em clima de estreia, Alexandre Brasill, André Luiz Prado, Bruno Santa Cecília, Carlos Alberto Maciel e Paula Zasnicoff do escritório Arquitetos Associados, em parceria com a ArcelorMittal vão criar um espaço para promover discussões sobre as possibilidades da economia circular. Carlos Alberto explica: “Faremos um pavilhão que possa ser desmontado após o fim do evento e remontado em outro lugar, evitando assim a geração de resíduos ou a necessidade de reciclagem de materiais.

Em ritmo de CASACOR Minas 2018 2

A equipe que forma o escritório Arquitetos Associados

O escritório assina grandes pavilhões do Inhotim, como o Centro Educativo Burle Marx, o Centro Administrativo e reserva técnica, as galerias Doris Salcedo, Cosmococa, Miguel Rio Branco e Claudia Andujar e o restaurante do museu.

Sobre a proposta do espaço, Carlos Alberto dá a dica: “Estamos pensando um espaço que acolha alguns eventos e que também funcione como um oásis, um lugar de pausa para quem visita a mostra.

Além do Pavilhão Arcelor projeto por toda a equipe dos Arquitetos Associados, Carlos Alberto também vai assinar a Livraria da mostra com o objetivo de reproduzir  no evento a mesma ambiência acolhedora da Livraria da Rua, que funciona na Savassi.

Antônio Valladares, Tereza do Prado e Joana Hardy formam a Casa Tereze. Participando pelo primeira vez da CASACOR, o trio que trabalha junto há dois anos ainda está em processo de definição do projeto, mas garante um espaço com a identidade do escritório. “O que temos de mais forte no nosso trabalho é esse intercâmbio entre França e Brasil. Tereza mora fora há 15 anos e a formação dela foi toda em Paris. É muito interessante unir esses dois universos, essas duas influências – Brasil e França, além das referências mineiras… então independente do que escolhermos para o nosso espaço, isso vai ser traduzido no projeto.”

Em ritmo de CASACOR Minas 2018 3

Antônio Valladares, Tereza do Prado e Joana Hardy formam a Casa Tereze.

Sobre a mostra, Joana conta que o casarão foi um dos grandes atrativos para que o escritório topasse o desafio: “É um espaço bonito com arquitetura e um interior muito interessantes, localizado na região central da cidade. Achamos a Rua Sapucaí um dos lugares mais interessantes de Belo Horizonte! Dali se avista muito do período de construção da cidade e  esse contexto nos atraiu bastante.”

Além do ambiente, reunir-se a outros profissionais renomados é animador. “O time de arquitetos e designers que participa da mostra é um grupo de pessoas que admiramos muito e gostamos do trabalho que desenvolvem. É uma mistura atraente de pessoas que são tão importantes na arquitetura e no design de interiores em Minas.”, conta Joana.

Quem também faz seu debute na mostra é a Play Arquitetura. Ao lado de Juliana Figueiró, Marcelo Alvarenga conta que há muitos anos contemplava a ideia de participar da CASACOR e a participação no evento já gera grandes expectativas.

Em ritmo de CASACOR Minas 2018 4

Ao lado de Juliana Figueiró, Marcelo Alvarenga assina os projetos da Play Arquitetura.

O projeto do escritório ocupará o último andar do casarão e como Marcelo nos conta, será um ambiente em constante transformação: “Pensamos muito e chegamos na ideia de fazer um espaço mutante. Vamos passar por diversas situações e estilos, onde a estrutura arquitetônica é o ponto de partida e no decorrer da mostra, elementos de decoração serão inseridos no ambiente.” Iniciativa inédita na mostra de Minas, não podemos revelar muitos detalhes, mas o espaço promete surpreender!

Ficou curioso? Tudo isso (e muito) mais, poderá ser visto em agosto. Te esperamos lá!

Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notificar a