Anunciado o endereço da CASACOR Minas 2017

Anunciado o endereço da CASACOR Minas 2017

A CASACOR Minas se prepara para mais um ano de grandes conquistas e resultados. A maior mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo do estado segue antenada aos movimentos urbanos contemporâneos e propõe um novo olhar sobre a cidade e sobre o a forma como ela vem sendo percebida e experienciada por seus moradores.

Em 2015, os diretores Eduardo Faleiro e Juliana Grillo iniciaram um novo processo de relacionamento da CASACOR Minas com a capital – o que vem sendo considerado como uma das principais características e conquistas da gestão implementada pela dupla à frente da edição mineira. Prova disso foi a associação da edição 2015 ao processo de candidatura do Conjunto Moderno da Pampulha ao título de Patrimônio Cultural da Humanidade, por meio de diversas parcerias e articulações. Um dos reflexos desse novo posicionamento no formato da mostra foi o investimento em ambientes voltados a refletir o cidadão contemporâneo, tal como a construção de um bicicletário, de uma casa de vidro e de uma varanda urbana (parklet) localizada na parte externa da mostra.

No ano passado, a CASACOR Minas repetiu, pela primeira vez, o endereço da mostra. Tudo isso com o objetivo de comemorar o titulo de Patrimônio Cultural da Humanidade conquistado pelo Conjunto Moderno da Pampulha. Para celebrar, assumiu contornos ainda mais ousados, investindo também na construção de um outro imóvel em apenas 30 dias utilizando um modelo construtivo inédito, com tecnologia local. Incluiu também a criação de um teatro, que abrigou uma intensa programação cultural, além da experiência de ocupar outros espaços importantes como o Museu de Arte da Pampulha, a Casa do Baile e o Iate Tênis Clube.

O ENDEREÇO DA 23a EDIÇÃO

A fachada do edifício que vai abrigar a CASACOR Minas 2017 | Foto: Jomar Bragança

A fachada do edifício que vai abrigar a CASACOR Minas 2017 | Foto: Jomar Bragança

Diante de tantas inovações, a 23a edição da CASACOR Minas já nasce com o desafio de ampliar cada vez mais esse processo de investigação e de experimentação sobre o conceito de morar bem na contemporaneidade.  Em 2017, a CASACOR Minas se prepara para ocupar um prédio histórico da capital mineira, integrante do Conjunto Arquitetônico da Praça da Estação, região marcada pela forte efervescência urbana, cultural, política e gastronômica. Localizado na rua Sapucaí 383, o prédio possui três pavimentos, porão, sótão e jardins. O local funcionou como sede da extinta Rede Ferroviária Federal S/A – RFFSA, e está diretamente associado à criação de Belo Horizonte. Nos últimos anos o prédio vem passando por um processo de restauração, sob a supervisão do IPHAN, para abrigar futuramente as instalações do Museu Ferroviário.

Durante o processo de construção da capital, a região se firmou como uma espécie de pórtico da cidade, concentrando as recepções e despedidas das pessoas que vinham conhecer as modernas obras arquitetônicas e urbanísticas que estavam sendo construídas na época. Antes mesmo da inauguração da capital, a região nas proximidades da Estação já apresentava quarteirões em processo de formação, além do surgimento de restaurantes e outros pequenos comércios motivados pela circulação de transeuntes.

Detalhe do edifício que vai abrigar a CASACOR Minas 2017 | Foto: Jomar Bragança

O imóvel escolhido está localizado numa região caracterizada por se tornar uma espécie de corredor cultural e gastronômico da capital, que vem se estabelecendo de forma totalmente espontânea. Entre os espaços, projetos e agentes que estão contribuindo neste processo de reocupação e resignificação daquela região estão: Museu de Artes e Ofícios, Funarte, CentoeQuatro, Centro de Referência da Juventude, Serraria Souza Pinto,  Teatro Espanca!, Duelo de MC´s, Praia da Estação, Benfeitoria, Salumeria Central, Pecatore, Gruê, Dorsé, além de ponto de encontro de blocos de carnaval e outras iniciativas. Além disso, a rua Sapucaí está localizada numa região estratégica, possibilitando uma das vistas mais privilegiadas da cidade, independente do horário da visitação.

De acordo com o diretor Eduardo Faleiro, a escolha do imóvel que irá abrigar a próxima edição da CASACOR Minas vai ao encontro do atual momento de discussão sobre a utilização do espaço público, observada não apenas em Belo Horizonte mas também em outras cidades brasileiras e no exterior. “Estamos muito felizes em poder contribuir para o resgate histórico desse belíssimo imóvel, que está fechado há vários anos, e também por voltarmos a levantar uma reflexão sobre o hipercentro da capital. A última edição da mostra na região foi realizada em 2000, na Casa do Conde, sendo responsável pelo maior público da história da CASACOR Minas em todos os anos. Outro ponto interessante é nosso sólido histórico, que já contabiliza 13 edições realizadas em imóveis tombados, servindo para levantar questões sobre a importância da preservação e o resgate destes imóveis e também por gerar visibilidade e acessibilidade a esses prédios, contribuindo assim para a preservação da memória e da identidade cultural da cidade”, destaca Eduardo. 

Antigos vagões de trem ocupam o pátio do edifício que vai abrigar a CASACOR Minas 2017 | Foto: Jomar Bragança

Juliana Grillo destaca a relevância do tema desta 23a edição da CASACOR Minas:  Foco no Essencial. Trata-se de um tendência mundial trazida a partir do questionamento sobre o excesso de supérfluos em todas as áreas, tanto de consumo, como de informação. “A proposta para esta edição é um verdadeiro desafio para que arquitetos, designers de interiores e paisagistas possam surpreender o público com   projetos que consigam trazer o design para mais perto das pessoas. O espaço que escolhemos para abrigar a mostra deste ano está em perfeita sintonia com sua temática, na medida em possibilita ambientes mais amplos, com espaços generosos, capazes de trazer muitas possibilidades de reflexão sobre a moradia com foco no essencial. A ideia desta edição é mostrar que a vida pode ser mais simples.”, reflete a diretora.

Anote na agenda:

CASACOR: A maior e mais completa mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas.

CASACOR MINAS 2017
De 12 de agosto a 17 de setembro
Rua Sapucaí, 383 | Floresta

_ HORÁRIO DE VISITAÇÃO
Terça a sexta, das 15 às 22 h
Sábado, das 13h às 22h
Domingo e feriado, das 13h às 19h

_ INGRESSOS

• Venda antecipada até 11/08
R$ 40,00 (inteira) | R$ 20,00 (meia)
• Após 12/08
R$ 50,00 (inteira) | R$ 25,00 (meia)
• Passaporte válido para todos os dias (pessoal e intransferível)
R$ 150,00
compre online: https://goo.gl/qVz8bN

_ DESCONTOS válidos somente para compra de ingresso na Bilheteria

20% de desconto para hóspedes do Hotéis Othon*, associados IAB*, associados ABD*
20% de desconto para clientes RENAULT*
20% de desconto para assinantes O Tempo*, no momento da entrada, extensivo para um acompanhante
50% de desconto para participantes do programa My Renault*

* o desconto será concedido somente mediante apresentação de cartão / comprovante / carteirinha / documento do veículo (clientes Reanult) junto a um documento de identificação.

_ HOTEL OFICIAL
Toscanini Savassi | reserve pelo site www.verthoteis.com.br e ganhe 15% de desconto sobre a tarifa. Use o código casacor15

Acompanhe a CASACOR Minas também pelo Instagram e Facebook.

Deixe um comentário

3 Comentários em "Anunciado o endereço da CASACOR Minas 2017"

Notificar a
Ordenar por:   o mais novo | o mais velho | mais votados
trackback

[…] Para quem ainda não sabe, a CASACOR Minas acontece de 12 de agosto a 17 de setembro na Rua Sapucaí, 383 na Floresta. Veja mais detalhes aqui. […]

Silvia Ferreira dos Santos
Visitante

AMO CASA COR.
O MAIOR EVENTO NACIONAL E MAIS NOBRE.
PARABÉNS SEMPRE !!!

wpDiscuz